Páginas

8 de ago de 2011

Wep Ronpet Nofret

Feliz ano novo!
Estamos hoje no sexto dia do ano 19, ano de Ptah. o//

Quero dizer que orgulhosamente celebramos, pela primeira vez, o Wep Ronpet Brasil - este ano no ES. Presentes eu, HapDjehuty, PautKhepera e PaqeniSekhmet, num encontro de muito sol e momentos inesquecíveis. 

O Wep Ronpet é o maior feriado do Kemetismo Ortodoxo - para as celebrações serem completas, iniciamos no último dia do ano, passamos mais 5 dias com devoções diárias e celebramos o dia do ano novo propriamente dito ao nascer do sol. Quem quiser ver um pouco de como foi, visite (e curta) a página do Kemetismo Ortodoxo no Facebook aqui.

Vou falar um pouco sobre o que rolou - e "por um pouco", esperem um post gigante.
Convido aos outros participantes para deixarem aqui suas impressões também. :)

Chegada
Nos reunimos todos no último dia do ano 18, quando eu e Hap nos dirigimos para o ES. Tinha dormido pouquíssimo, mas nem por isso meu entusiasmo diminuiu - pelo contrário! Encontro divertido e com muitas risadas.
Eu cheguei pela manhã, então deu tempo de ir para a casa dos anfitriões, descansar um pouco, almoçar e voltarmos para buscar Hap. Mais um encontro divertido e cheio de risadas.
Mais tarde, todos juntos, esquematizamos como seria o próximo dia e como faríamos os rituais dos outros dias. Optamos em revezar quem conduziria os ritos,estando a condução ligada à linhagem do oficiante.

Dias epagomenais
No dia seguinte saímos de manhã para passear e fazer as compras do que necessitávamos em um bairro local especializado - a Vila Rubim . Encontramos o que queríamos, fizemos alguns ajustes.À noite montamos o altar, fizemos a devoção para Wesir, nosso rito sagrado e o rito aos Akhu. Foi uma grande emoção para todos, pela primeira vez reunidos em um ritual coletivo.

No outro dia, fizemos a devoção para Heru-wer no altar do dia anterior. Fizemos oferendas e preces e acabamos esticando a comemoração à noite também.

No 3º dia, a devoção para Set.Como não poderia deixar de ser, sendo seu aniversário, Ele nos presenteou - situações inusitadas, pequenas confusões e muitas risadas.Sua devoção foi diferente, fora do altar, mas com certeza foi uma das mais marcantes.

4º dia, devoção para Aset. Mudamos para o altar principal. Todos nós adornados para honrar a Grande Senhora de Kemet, em um momento de grande intensidade.Não houve rito mais lindo e cerimonioso do que esse.

Por último, no 5º dia, a devoção a Nebhet. O dia amanheceu estranho e passamos o dia parados, todos com a mesma sensação de tempo arrastado. Sua devoção também foi no altar principal, à noite.

Deixamos as coisas meio preparadas para o dia seguinte e os outros foram dormir. Eu ainda fiquei acordada até mais tarde fazendo os últimos retoques e fui deitar.

Wep Ronpet
Cedo, muito antes do sol nascer, levantamos.
Um a um, fomos nos preparar. O incriado, ainda no mundo, fez sua presença ser notada através de incidentes diversos que acabaram nos atrasando alguns momentos. Driblamos todas as adversidades e iniciamos os ritos, com convicção.
Fizemos a devoção do dia, o dia mais sagrado, pedindo as bênçãos para este novo ano.
Reunimo-mos e destruímos o incriado, o que se alimenta em isfet. Toda nossa força posta em ação para destruir e afastar. Pelo Olho de Ra e sua chama, derrotamos.
Saímos em procissão, buscando a primeira luz.Banhamo-nos em dourado, nossos deuses e deusas renascendo em ouro. Cantamos e nos alegramos.
Votamos para o altar principal. Iniciamos o rito sagrado, agradecendo por mais este ano, o ano 19, regido por Ptah. Foi um momento de pura intensidade, em que a emoção calou as palavras. Pedimos e agradecemos, compartilhamos e recebemos. Um festa, onde todos pudemos sentir as presenças dos deuses e deusas.
O tempo voou e quando nos apercebemos, 3 horas tinham transcorrido. Famintos e felizes, partilhamos o café da manhã. 
Só então o corpo sentiu e fui descansar. Mais tarde, saímos e fomos aproveitar o dia de festa e sol. A noite chegou, mais um jantar de celebração. Depois, arrumar as malas.

Partida
Correria pela manhã, últimas arrumações. Acompanhamos Hap até a condução que o levaria ao aeroporto e nos despedimos.
Almoçamos, últimas arrumações e a luta para fechar a mala.Saímos para o aeroporto e, como tínhamos tempo, tomamos um café. Chamada do voo, e tchau, ES.

Impressões
Difícil é conceituar o que significa estar entre aqueles que partilham o meu caminho, emanados em Ma'at. 
Há muito tempo se idealizou e planejou algo assim, mas as circunstâncias e as pessoas com atos idiotas e mesquinhos impossibilitaram de acontecer antes. Antes deste encontro só tive uma alegria similar a esta, que foi na tarde em que depois de muitos anos ganhei o abraço e o sorriso da Siath.

O Kemetismo Ortodoxo não é e nunca foi, uma religião de internet ou um lugar para se ganhar nome legal ou ainda o lugar para os colecionadores de títulos de ordens.

Vou repetir, porque eu já pensava isso, e agora, meu pensamento e opinião estão mais fortes ainda:

O Kemetismo Ortodoxo não é e nunca foi, uma religião de internet ou um lugar para se ganhar nome legal ou ainda o lugar para os colecionadores de títulos de ordens. 

Aqui a comunidade é importante SIM, vivenciar a fé com os outros é importante SIM, praticar que se aprende é importante SIM, trocar experiências é importante SIM, respeitar os outros é importante SIM, ter boa educação é importante SIM.

Tudo isso eu já pensava e sabia, mas agora, depois dessa experiência, de estar entre os meus no tempo mais sagrado... Como eu disse, meu pensamento e opinião estão mais fortes.
O tanto que eu ganhei nesses dias eu não aprendi em anos de leitura de internet. Aprendo sim, me dedicando e pesquisando, mas a interação com outros... Só vivenciando para se ter noção.   

Vivam. :)

Esse ano, o ano 19, é o ano de Ptah, Ele que é o grande construtor. Dua Ptah, acompanha-me durante este ano e permita que minha construção seja poderosa e durável. Kheperu! Nekhtet!

8 comentários:

Iony disse...

Ainda bem que ninguem contou o que Set fez comigo!hahahaha.

Estar junto,conversar com quem não pode vir,sentir falta dos ausentes,fazer planos, fazer chá (rsrs),abraçar vc,abraçar Mestre Hap,ver o Paqeni acreditar na amizade e na fraternidade mais uma vez...são coisas que vou agradecer até o infinito.

Enfim minha irmã,nos abraçamos,choramos,louvamos,agradecemos e celebramos na certeza de que ano que vem estaremos juntos de novo.Somos uma boa família que cuida uns dos outros.E ano que vem tem mais....aqui ou em qq lugar!!

Kheperu!!!

Mr Araújo disse...

Adorei o relato, quase que senti parte da vossa emoção enquanto li. :)
Próspero e abençoado ano novo!

Subutá tú (boa existência para ti)!

Wsuri disse...

Na próxima eu tenho q estar!! E agora fiquei curioso... Oq houve com vc Paut??rsrsrs...

Tanakhtsenu disse...

Na verdade, o que não houve com ela é a pergunta!!

PautKhepera disse...

Fui vitima de bullying divino!!!

faustinho disse...

Maravilhoso!... Kheperu!... Nekhtet!...

Navi Eritev / Ivan Verite disse...

Em hotep!

Eu amo história , comecei a me interessar quando pequeno ao ler Asterix, porem o mero interesse virou “amor” quando ganhei um papel de presente com desenhos egípcios e achei magnífico, fiquei querendo saber tudo sobre este povo.
Com o passar do tempo minha curiosidade se expandiu para Roma, e de lá para Idade Média, Revolução francesa, história militar, nórdicos, ETC. E por mais que hoje eu ame história no geral e meus maiores heróis históricos sejam Napoleão Bonaparte e Julius Caesar eu ainda mantenho um grande carinho pelos egípcios.
Confesso que assim que conheci a House of Netjer pensei que fosse uma brincadeira, afinal como venerar uma religião que me foi ensinado sendo algo morto e ultrapassado. Porem ao estudar um pouco o tema vi no Kemetismo uma religião que compartilha dos mesmos ideais que os meus.
Antes eu me dizia cristão, por mais que discordasse de centenas de coisas que os cristão defendem e acreditam, eu nunca encontrei uma religião que me fizesse sentir mais próximo do divino até o Kemetismo.
Bem e o por que deste recado? Gostaria que alguém que falasse português me adicionasse no MSN para me ensinar a ser kemético, um mestre virtual pode-se dizer já que eu não tenho como viajar nos EUA para ser convertido “oficialmente”
meu msn eh: ivanlarav@hotmail.com

nota-Quando enviar o pedido de add escreva uma mensagem dizendo que vc é soh para que eu saiba q nao eh nenhum spam

Ramesses Meryamun disse...

a unica duvida que eu fico em relação ao Wep Ronpet, e a questão: em que data no calendário Gregoriano acontece?
ela vaia de ano para ano entre os kemeticos, ou possui uma data especifica?
Se vc podesse responder essa pergunta, eu ficaria muito grato!!!!
um abraço!!!
que os Deuses lhe proporcionem muita inspiração para continuar a escrever esse blog!!!!
bjus!!